O governador Rui Costa (PT) anunciou, em entrevista à TV Itapoan/Record, também transmitida pelo Instagram do governador na manhã desta segunda-feira (10), que vai alterar os decretos que limitam o acesso de pessoas a eventos públicos e privados – o número de cinco mil presentes deve ser diminuído, anunciou o governador, que concedeu entrevista durante a assinatura da ordem de serviço do Hospital Ortopédico da Bahia e do Centro de Educação, Inovação e Formação, em Salvador.

O petista disse que definirá o novo número após reunião que será realizada logo após a assinatura da ordem de serviço. O governador ressaltou que são 300 pessoas internadas em leitos de UTI e cerca de 5 mil casos ativos da Covid-19.

Rui Costa disse que as novas medidas restritivas alcançarão festas públicas e privadas. “Se todos tivessem respeitado os decretos e pedido a vacinação, não precisaríamos passar por isso”, disse o governador.

O governador também disse que podem ser disponibilizados mais leitos para tratamento de pacientes, tanto da Covid, quanto da gripe, que também tem levado à internação em leitos de UTI. Ele, por outra vez, cobrou dos realizadores de festas: “Quem organiza festa deveria colaborar. Houve muitas festas e não respeitaram uso de máscaras e não cobraram vacinação”.

Davi Lemos/Política Livre

Please follow and like us: